Apenas uma empresa não colocou ônibus nas ruas em SP

Segundo informações da São Paulo Transportes (SPTrans), às 5h45 da manhã desta terça-feira a Viação Transcooper, que possui três garagens, liberou os microônibus da garagem localizada na altura do nº 1.726 da Avenida Antonelo de Messina, no Tremembé, zona norte da capital paulista. Por sua vez, a Comapanhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que o rodízio de veículo está mantido nesta terça-feira.De acordo com a SPTrans, apenas uma garagem, a da Viação Nova Aliança, em Cidade Tiradentes, na zona leste, seguia fechada naquele momento na cidade de São Paulo.O motivo da não liberação dos coletivos não havia sido informado pela SPTrans, mas acredita-se que seja por causa dos ataques da facção criminosa PCC a ônibus feitos durante a noite de terça para quarta-feira. Das 20 horas de segunda-feira à 0h30 desta terça-feira, 14 ônibus foram queimados na capital paulista e na Grande São Paulo.Texto atualizado às 5h58

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.