Após 10 anos, polícia prende suspeito de matar garoto em SP

Depois de 10 anos de investigações, o Setor de Homicídios da Seccional de Santo André, no ABC paulista, prendeu nesta quarta-feira, 14, o principal suspeito do assassinato de Dario Flores do Santos, de 13 anos. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Carlos Gama, dono de um ferro-velho, em 1997 teria matado o adolescente a pauladas. A família registrou um Boletim de Ocorrência de desaparecimento. Dias depois, o corpo do garoto apareceu boiando num rio. A Polícia conseguiu, por meio dos depoimentos de testemunhas, identificar o autor, que fugiu. Nesta quarta, depois de ser detido, Gama nem acreditou na prisão. O caso chegou a ser divulgado pelo programa Linha Direta, da TV Globo.

Agencia Estado,

14 Fevereiro 2007 | 19h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.