Após ameaça de bomba, acesso à estação Guaianazes é liberado

Uma das entradas que dá acesso à estação de trem de Guaianazes, na zona leste de São Paulo, ficou bloqueada na manhã desta segunda-feira, 24, depois que uma caixa suspeita foi deixada no local ao lado de um hidrante, mas foi liberada por volta das 8h30, após a constatação por policiais do Grupo de Ações Táticas (GATE) da Polícia Militar de que não havia nenhuma bomba na caixa.Por volta das 8 horas, soldados do GATE chegaram ao local. Após constataram que na caixa não havia nenhum explosivo, a levaram embora. De acordo com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), a circulação de trens na linha E (Brás/Estudantes), da qual faz parte Guaianazes, em momento algum chegou a ser afetada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.