Após denúncia do TJ, deputado vai renunciar

Depois de os desembargadores do Tribunal de Justiça do Rio acatarem denúncia de formação de quadrilha e resistência qualificada contra o deputado estadual Natalino Guimarães e outros cinco suspeitos de integrar uma milícia, a sobrinha do deputado, vereadora Carminha Jerominho (PT do B), anunciou que o tio deve renunciar ao mandato. Assim, o caso voltaria para a primeira instância.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.