Após forte chuva, São Paulo sai do estado de atenção

Não está descartada possibilidade de novas pancadas de chuvas em alguns bairros da cidade no fim da noite

Maíra Teixeira, do estadao.com.br,

31 Janeiro 2010 | 13h46

O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) retirou todas as regiões da capital do estado de atenção, às 20h25 deste domingo, 31. A instabilidade da temperatura diminuiu, porém, o órgão não descarta a possibilidade de novas pancadas de chuvas em alguns bairros da cidade no fim da noite.

As áreas de instabilidade que provocaram chuvas na capital perderam intensidade e se afastam, com intensidade moderada a forte, em direção ao Vale do Ribeira e região de Sorocaba.

 

Desde às 16h30 de domingo, todas as regiões da capital estavam em estado de atenção. A temperatura máxima na capital neste domingo, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), é de 32º C e a previsão é de que ocorram pancadas de chuvas em toda a cidade.

 

A zona oeste e Marginal do Pinheiros entraram em estado de atenção às 17 horas. Às 16h25, o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) já havia colocado as zonas leste, norte, sul, centro e Marginal do Tietê em atenção. O órgão registrou queda de granizo às 15h50 na Marginal do Tietê, na altura da Ponte do Aricanduva.

 

Durante a tarde, a capital teve um ponto de alagamento intransitável, localizado na Rua Pinhalzinho, número 41, na região do Tatuapé, zona leste.

 

Áreas de instabilidades que se formaram próximas a região de Campinas e ao norte da Região Metropolitana de São Paulo se intensificaram devido ao aquecimento e a entrada da brisa marítima. As pancadas de chuva na capital começaram pelas zonas norte, leste e centro se espalhando pelas demais regiões da cidade.

 

Dutra

 

A pista da Rodovia Presidente Dutra no sentido Rio de Janeiro está totalmente interditada do km 196 ao 199, em decorrência de uma queda de encosta e afundamento da via no km 197, na região de Arujá. Segundo a NovaDutra, a queda ocorreu às 6h10 deste domingo e não houve acidentes ou pessoas atingidas.

O tráfego está fluindo em mão dupla na pista sentido São Paulo. A pista já está em obras, mas ainda não há previsão de liberação.

 

(Modificada às 20h50 para acréscimo de informações)

Mais conteúdo sobre:
dutra trânsito chuva

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.