Após nova pane, passageiros voltam a incendiar trem no Rio

Problema mecânico ocorreu no horário de pico na noite de quarta-feira e houve depredação em pelo menos três estações

Marcelo Gomes, O Estado de S. Paulo

12 Setembro 2013 | 09h38

RIO - Passageiros atearam fogo à cabine do maquinista de um trem da SuperVia, por volta das 19h45 dessa quarta-feira, 11, na estação de Bonsucesso, na zona norte do Rio de Janeiro. A confusão começou após uma pane numa composição que seguia da Central do Brasil, no centro, em direção à Saracuruna, na Baixada Fluminense, na altura da estação Penha Circular, zona norte, por volta das 18h15, pico da volta para casa. O problema mecânico prejudicou a circulação no ramal Saracuruna. Revoltados, passageiros que lotavam as plataformas de embarque e vagões de trens parados no ramal depredaram pelo menos três estações: Triagem, Penha Circular e Central do Brasil.

De acordo com a SuperVia, concessionária que opera os trens suburbanos na Região Metropolitana do Rio, o fogo no trem que estava em Bonsucesso foi controlado às 20h10 pelo Corpo de Bombeiros. Cinco minutos depois, a circulação no ramal Saracuruna começou a ser retomada, com atrasos. Às 20h40, saiu o primeiro trem da Central do Brasil com destino a Saracuruna.

Por volta das 20h, policiais do Grupamento de Policiamento Ferroviário (GPFer) prenderam duas pessoas em flagrante tentando incendiar um trem na estação Central do Brasil. O caso foi registrado na 5ª Delegacia de Polícia (Lapa).

Problemas frequentes. Na semana passada, o funcionamento dos trens sofreu problemas por três dias consecutivos. Na ocorrência mais grave, na manhã de terça, 3, passageiros atearam fogo a um trem que estava parado na estação Quintino, na zona norte, devido a um problema mecânico que parou a circulação no ramal Santa Cruz, zona oeste do Rio. No dia 29 de agosto, também houve depredação após pane.

Mais conteúdo sobre:
TremRiopane

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.