Reprodução
Reprodução

Aposentado é encontrado nu, 4 dias após ser jogado em ribanceira no DF

Aposentado apresentava ferimentos leves e sobreviveu bebendo água de córrego

Gheisa Lessa, Estadão.com.br

29 Junho 2012 | 14h53

 SÃO PAULO - Um homem de 61 anos foi encontrado na tarde da última quinta-feira, 28, quatro dias após ter sido jogado nu de um barranco por assaltantes na região de Sobradinho II, a 22 quilômetros de Brasília, DF. José Judson Santada Correa sobreviveu apenas bebendo água de um córrego.

O aposentado estava desaparecido desde o último domingo, 24. Embora a família tenha registrado o seu  sumiço na manhã da última segunda-feira, 25, e buscas tenham sido iniciadas pela Divisão de Repressão a Sequestros da Polícia Civil do Distrito Federal, a vítima foi localizada por um morador da região.

No domingo, Correa deu carona para dois homens. Ao entrar no veículo, um Fiat Uno, a dupla anunciou o assalto. O aposentado foi obrigado a dirigir por uma região de mata, onde teve suas roupas e objetos pessoais roubados. Os ladrões amarraram então suas mãos para trás com uma camisa e o jogaram de uma ribanceira.

Após a queda, a vítima ficou desacordada por algumas horas. Ao despertar, conseguiu caminhar até um riacho. Com dores, permaneceu no local por quatro dias, até que, na tarde de quinta, foi encontrado pelo proprietário de uma chácara da região.

Correa, que apresentava ferimentos leves e hipotermia em função da baixa temperatura na região, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e conduzido até o Hospital Regional de Sobradinho. Os dois suspeitos, que fugiram com pertences e carro da vítima, estão sendo procurados pela polícia.

Mais conteúdo sobre:
Crimeassaltoroubo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.