Apreendidos 142 comprimidos de ecstasy em Ribeirão

Após denúncia anônima, os investigadores da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de Ribeirão Preto, a 310 quilômetros de São Paulo, apreenderam, na noite desta segunda-feira, 142 comprimidos de ecstasy, numa casa do centro da cidade.O entorpecente, conhecido também como a "droga do amor", é usado em festas e danceterias e foi encontrado no quarto do estudante Leonardo dos Reis Coimbra de Souza, de 23 anos. O estudante não estava no local.A polícia, que investiga em sigilo o caso, tenta localizá-lo e descobrir a origem do ecstasy. Segundo a polícia, cada unidade era vendida por cerca de R$ 50,00. Além do ecstasy, a polícia encontrou 16 frascos de lança-perfume e cerca de 100 gramas de crack.Também foi descoberta uma lista, com vários nomes, que seriam dos supostos compradores da droga. De acordo com o delegado da Dise, Haroldo Chaud, o ecstasy começa a ganhar mercado no município.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.