Apreendidos equipamentos para fabricar moedas falsas

A polícia de Mongaguá, no litoral paulista, apreendeu nesta quarta-feira máquinas e equipamentos usados para fabricar moedas falsas de R$ 0,50 e de R$ 1,00. Os policiais investigavam denúncia anônima de que um bar e uma casa localizados eram pontos de tráfico de entorpecentes quando descobriram a prensa, o forno industrial, moldes, bombas e material usado na fabricação do dinheiro falso.A inquilina da casa, uma mulher de 25 anos, informou que os equipamentos pertenciam ao dono do imóvel, cuja esposa foi localizada e informou que as máquinas e os outros objetos eram mesmo do marido, que está em Minas Gerais e eram utilizadas para fabricação de objetos artesanais. A casa está localizada bem próxima ao presídio semi-aberto da cidade. Ninguém foi preso.Há suspeita de que detentos estavam participando da fabricação de moedas falsas. Segundo Paulo César Ferreira, chefe dos investigadores de Mongaguá, alguns desses condenados freqüentavam o bar em frente à casa onde os equipamentos foram apreendidos. "Pode haver até a participação do crime organizado na fabricação do dinheiro", disse Ferreira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.