Área verde precisa ser suprimida

A extensa área verde ao redor do Campo de Marte pode representar um oásis para os moradores do bairro de Santana, mas coloca em risco a operação do aeroporto. O Estudo e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA-RIMA) verificou que os arbustos vizinhos às pistas de pouso e decolagem atrapalham a visão dos controladores de voo na torre de controle. Além disso, a mata ajuda a atrair animais, sobretudo pássaros, o que significa um risco a mais para os aviões. Por esse motivo, o estudo propõe a "supressão parcial e criteriosa da vegetação" para eliminar a barreira visual e amenizar a presença de aves.Apesar da infraestrutura acanhada e das limitações operacionais, o Campo de Marte é hoje o 5.º aeroporto mais movimentado do País em quantidade de aeronaves - recebeu 102 mil em 2008. O terminal fica atrás apenas de Cumbica, Congonhas, Brasília e Tom Jobim, no Rio. Nos horários de pico, o aeroporto, que recebe aviões de pequeno porte e helicópteros, tem, em média, 23 operações (pousos ou decolagens) por hora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.