Arquibancadas do carnaval do Rio acabam em 33 minutos

Podem haver desistências das vendas, feitas por telefone; arquibancadas populares serão vendidas no dia 14/02

da Redação, estadao.com.br

07 de janeiro de 2009 | 17h17

Os ingressos para as arquibancadas especiais e cadeiras individuais para os desfiles do Grupo Especial do carnaval 2009 no Rio já acabaram. Segundo a empresa que administrava as vendas, em apenas 33 minutos, todas as entradas estavam esgotadas. As vendas começaram nesta quarta-feira, 7, às 9 horas. Os desfiles das escolas de samba do Grupo Especial vão acontecer nos dias 22 (domingo) e 23 (segunda) de fevereiro.   Veja também: Ingressos para Carnaval 2009 de São Paulo já estão à venda   O primeiro setor a esgotar sua venda foi o 3 (arquibancadas especiais, a R$ 180,00), em 13 minutos. Em seguida, foram acabando os ingressos dos setores 5 (arquibancadas especiais, R$ 240,00), em 19 minutos; 13 (cadeiras individuais, R$ 110,00), em 21 minutos; 7 (arquibancadas especiais, R$ 300,00), em 23 minutos; 11 (arquibancadas especiais, R$ 200,00), em 24 minutos; 6 (cadeiras individuais, R$ 110,00), em 32 minutos; e 4 (arquibancadas especiais, R$ 110,00), em 33 minutos.   Quem conseguiu comprar o ingresso deverá comparecer à agência do Bradesco indicada, nos dias 13 e 14 de janeiro, para efetuar o pagamento. Para quem não conseguiu, resta esperar possíveis desistências ou não pagamentos para que a venda desses lotes recomecem.   Segundo a empresa, agora, restaram apenas ingressos para as arquibancadas populares dos setores 6 e 13, que serão vendidos num estande montado no setor 11 do Sambódromo, no dia 14 de fevereiro. Os ingressos para os camarotes estão esgotados - os preços variavam de R$ 17 mil a R$ 77 mil.   As entradas para as frisas também estão disponíveis para os setores 4 e 11 - todos na fila D. Os ingressos custam de R$ 3 mil a R$ 4,2 mil e devem ser comprados na Central LIESA de Atendimento, na Rua da Alfândega.

Tudo o que sabemos sobre:
Carnaval 2009Carnaval do Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.