Arquiteto morre e polícia abre inquérito

O arquiteto Cláudio Bernardes, de 52 anos, faleceu, nesta quarta-feira, no município de Sidrolândia, a 70 quilômetros de Campo Grande.Ele viajava pela BR-060, sentido Campo Grande, no banco traseiro de um automóvel modelo Vectra GL, placas AJM-4458, de Curitiba (PR), dirigido por Roberto Cheller, de 53 anos.Cheller perdeu o controle do veículo, que saiu da pista e capotou em uma curva no quilômetro 473 daquela rodovia.Outros ocupantes do carro eram Paul Jacobsen, de 47 anos, e Sérgio Schwars, 51 anos. O motorista ficou gravemente ferido, a exemplo dos outros dois passageiros. Os três estão internados na Santa Casa de Campo Grande.Bernardes chegou a ser transportado para o Hospital Municipal de Sidrolândia, aonde chegou sem vida. O corpo foi para o Instituto Médico Legal de Campo Grande e depois liberado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.