Assaltante é preso com armas de uso exclusivo do Exército

Um assaltante de banco foi preso em Diadema (Grande São Paulo), no início da noite desta segunda-feira, com armamento de uso restrito das Forças Armadas. José Roberto Alves Lima, de 22 anos, o "Betinho", foi detido policiais das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota).Uma denúncia anônima levou os policiais da viatura 91363 a um bar da Rua Barão de Uruguaiana, no Jardim Ruyce. O bar pertence ao pai do assaltante, que indicou um sobrado na Rua dos Imigrantes, atrás do comércio. Quando entraram na rua, os policiais se depararam com um Golf verde, que retornou de ré e entrou na garagem da casa.O bandido correu até o terceiro pavimento do sobrado na espectativa de se livrar do armamento que estava escondido em seu quarto, em três mochilas. Ao ser preso, Betinho ainda estava com uma delas, onde os PMs acharam uma metralhadora 9 milímetro Uru, com silenciador e três carregadores. Nas outras mochilas, lançadas no telhado, havia uma pistola 45, um revólver 38 e munições.Todo o armamento é de uso exclusivo das Forças Armadas. Ele disse que assaltava clientes em saídas de bancos na região da Avenida Paulista, mas a Polícia suspeita de envolvimento em roubos a condomínios. O assaltante foi autuado em flagrante por porte ilegal de armas qualificado no 3º Distrito Policial de Diadema.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.