Assaltantes de imobiliária se entregam em Porto Alegre

Terminou a tentativa frustrada de assalto à Imobiliária Certa, no bairro Bom Fim, próximo à área central de Porto Alegre (RS). Dois assaltantes se entregaram e um terceiro suspeito foi preso pela Brigada Militar do Rio Grande do Sul. O local tinha sido invadido por volta de 14h por dois homens armados. No momento da invasão, eles dispararam dois tiros dentro do prédio, mas ninguém ficou ferido, segundo informações da Secretaria de Justiça e Segurança. Os assaltantes mantiveram dois funcionários como reféns: o segurança Leandro Dias e o zelador Aldomiro de Oliveira Rosa. O comandante do policiamento da capital, Ilson Pinto de Oliveira, não forneceu os nomes dos assaltantes presos, pois suas identificações ainda não foram confirmadas. Ele destacou a importância da negociação para o desfecho do caso. "Os assaltantes visam, em tese, garantia de vida", afirmou. "É preciso calma para que paulatinamente tenham mais confiança", acrescentou. Os assaltantes saíram algemados do prédio por volta de 17h25. A Imobiliária Certa fica próxima do local onde um seqüestrador manteve reféns o motorista e passageiros de um lotação por 27 horas entre os dias 4 e 5 de janeiro deste ano. Naquele episódio, a Brigada Militar montou um cerco ao lotação, onde os reféns ficaram confinados, e negociou a rendição do seqüestrador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.