Assaltantes fazem arrastão em condomínio, em Ibiúna (SP)

Parte de uma quadrilha que passou mais de três horas dentro de um condomínio no município de Ibiúna, região de Sorocaba, interior do Estado de São Paulo, foi presa, por volta das 4 horas da madrugada desta segunda-feira, durante uma perseguição seguida de acidente na Rodovia Raposo Tavares.No final da noite de domingo, ocupando um táxi roubado, com placa de São Paulo, quatro bandidos, armados de pistola, revólver e espingarda calibre 12, conseguiram render o porteiro e os vigilantes, entre estes um guarda municipal à paisana, do Condomínio Coqueiro, em Ibiúna. Das 23h30 às 3h desta madrugada, várias casas foram invadidas pelos criminosos, que, após o arrastão, fugiram em dois carros. Guardas municipais de Ibiúna foram acionados e deram início à perseguição, que terminou na altura do quilômetro 24 da pista sentido interior-capital da Rodovia Raposo Tavares, onde os criminosos perderam o controle dos carros durante uma troca de tiros.Dois dos assaltantes, ainda não identificados, sofreram ferimentos e foram detidos. A outra dupla conseguiu fugir por um matagal ao lado da rodovia e até as 5h30 desta manhã de segunda-feira estava sendo procurada pela Guarda Municipal e Polícia Militar com o auxílio do helicóptero Águia, da PM.Dentro dos carros usados na fuga, os guardas recuperaram vários objetos levados dos moradores do condomínio.

Agencia Estado,

30 de outubro de 2006 | 06h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.