Assassino de inglesa vai ter nova avaliação

Mohammed D?Ali Carvalho dos Santos, de 21 anos, que confessou ter matado e esquartejado a inglesa Cara Marie Burke em julho de 2008, em Goiânia, passará por nova avaliação psicológica na terça-feira para estabelecer se é mentalmente perturbado. Ele irá a júri popular em Goiânia, no dia 14, com transmissão ao vivo da Rádio Justiça, do Supremo Tribunal Federal. A defesa alega que o primeiro laudo não o definiu como doente mental, o que permitiria tratamento e redução da pena.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.