Assassino de policial militar é identificado e indiciado

Uma denúncia anônima levou a polícia a identificar o autor do assassinato do soldado Polícia Militar Fernando César Dias da Silva, em 8 de abril, na zona sul da capital paulista. Segundo testemunhas, Manassu Antônio da Silva, de 22 anos, é o autor dos vários disparos contra a guarnição policial em que a vítima se encontrava. O PM foi atingido na cabeça por um tiro e morreu antes que pudesse ser socorrido. Silva fazia o patrulhamento com o soldado Anderson Antônio de Oliveira, que sobreviveu aos disparos. Manassu foi preso em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, na quinta-feira da semana passada, 20, durante um assalto. A denúncia anônima foi feita à delegacia seccional de Taboão da Serra, responsável pela delegacia do município vizinho. O suspeito foi submetido a reconhecimento por testemunhas que confirmaram ser ele o autor do crime.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.