Assassino de prefeito de Barbosa Ferraz confessa é preso

Dioniclei de Oliveira confessou o crime e disse que o cometeu por ciúme de sua namorada

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

27 Julho 2009 | 13h53

Dioniclei Pelussi de Oliveira, de 23 anos, acusado de matar o prefeito da cidade paranaense de Barbosa Ferraz, Mário César Lopes de Carvalho, na noite da última quarta-feira, 22, foi preso na última sexta-feira, 24.

 

Segundo a polícia, ele se entregou na tarde de sexta e confessou o crime. A arma utilizada no homicídio, um revólver calibre 38, foi apreendida pela polícia.

 

O delegado Reginaldo Caetano da Silva, de Engenheiro Beltrão, revelou que o advogado do assassino entrou em contato com a polícia e combinou o local onde ele se entregaria à polícia. "Fomos até o esconderijo em que ele estava, um barracão abandonado, a cerca de 8 quilômetros de onde abandonou o carro usado na noite do crime", disse o delegado.

 

Ainda segundo Silva, mesmo antes de prestar depoimento à polícia, Dioniclei confessou que assassinou o prefeito por ciúmes de sua namorada, que é funcionária da Prefeitura de Barbosa Ferraz. "Ele nos disse que havia um boato na cidade em que mora, São Pedro do Ivaí, de que sua namorada estava tendo um relacionamento amoroso com o prefeito. Tomado pelo ciúme, foi atrás dele para tirar satisfações", explicou.

 

O criminoso contou à polícia que atraiu o prefeito para o local do crime fingindo ser sua namorada. "Como tinha a senha do MSN da garota, ele se passou por ela para conversar com o prefeito e marcar um encontro para a noite do crime. Na conversa, ele também passou o número de seu celular como se fosse o dela para o prefeito ligar, caso fosse necessário", disse o delegado do Cope designado para o caso, Francisco Caricati.

 

Dioniclei irá responder por homicídio qualificado e pode pegar de 12 a 30 anos de prisão. O local onde ficará detido não será divulgado por questões de segurança.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.