Assinado contrato com vencedoras de pregão

A Prefeitura assinou contrato ontem com as oito fornecedoras de merenda para a rede municipal de ensino que venceram o pregão do dia 22 de julho. Quatro são investigadas pelo Ministério Público Estadual sob a acusação de formação de cartel, fraude em licitação de 2006 e pagamento de propina a servidores. O MP também apura outras duas empresas, que ficaram de fora do pregão. Segundo a Secretaria da Educação, a merenda custará 22% menos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.