Associação lamenta a morte de Andrea Carta

A Associação Nacional dos Editores de Revistas (ANER) distribuiu um comunicado à imprensa lamentando a morte do jornalista Andrea Carta. O comunicado é assinado pelo presidente da entidade, Carlos Domingo Alzugaray (Caco).Este é o texto: ?É com enorme dor que manifesto, em nome da Associação Nacional de Editores de Revistas, o meu mais profundo pesar aos familiares do jornalista Andrea Carta, editor responsável pela Carta Editorial, pelo seu falecimento.Andrea deixa sua empreitada jornalística em seu melhor momento. Guerreiro dos melhores deste nosso difícil campo de batalha editorial, Andréa venceu, e deixa a Carta Editorial e seus títulos Vogue em rota vitoriosa para a continuidade de sua família.O querido Andrea, que repetia com orgulho que sua editora era prima da Editora Três, ouvia de mim, ?com muito orgulho?.O pai de Andrea, Luis Carta, irmão de Mino, e o empresário Fabrízio Fasano, fundaram, há 31 anos, com Domingo e Catia Alzugaray, meus pais, a Editora Três.A Carta Editorial é uma das nossas mais antigas associadas da ANER, e, em nome de todos os nossos sócios, transmito sentimentos de tristeza aos familiares e aos amigos da editora.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.