Ataque a veículo mata policial militar e fere soldado na zona oeste do Rio

Mulher do agente baleado, que está em estado grave, também morreu; polícia investiga envolvimento de mílicia

Tiago Rogero, Estadão.com.br

16 de maio de 2011 | 09h28

RIO - Um policial militar e uma mulher foram assassinados na manhã desta segunda-feira, 16, dentro de um carro em Santa Cruz, na zona oeste do Rio. Um outro militar também foi baleado. Ele foi encaminhado em estado grave para o Hospital Estadual Faria Rocha, em Campo Grande.

 

O cabo Charles de Castilho Braga, o soldado André Luiz Teodolino dos Santos e a mulher, que seria esposa dele, identificada como Luciana Dias dos Santos, estavam em um carro descaracterizado. Por volta das 4h30, segundo a polícia, o veículo foi atingido por cerca de 50 disparos. Charles e Luciana não resistiram aos ferimentos.

 

A Divisão de Homicídios da Polícia Civil investiga a possibilidade da participação de milicianos no crime. O cabo Charles trabalhava no Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e o soldado André no 2º BPM (Botafogo).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.