Reuters
Reuters

Ataque terrorista a shopping do Quênia e Rock in Rio dominam noticiário do fim de semana

Exoneração de assessor da Previdência e estragos da chuva também foram destaques

O Estado de S. Paulo

23 Setembro 2013 | 10h24

O ataque terrorista a um shopping do Quênia, com pelo menos 69 mortos, foi o destaque do noticiário neste fim de semana. Ainda na área internacional, a Síria revelou detalhes sobre seu arsenal, enquanto na Alemanha Angela Merkel saiu vitoriosa na eleição. No Brasil, um vendaval deixou 3 mortos e 40 feridos em Taquarituba, interior de São Paulo. Em SC, a chuva desalojou 4 mil pessoas em 56 cidades.

O destaque na política foi a exoneração do assessor do Ministério da Previdência Social envolvido em esquema de corrupção. E o Rock In Rio 2013 encerrou sua programação, tendo como destaque os shows de Bruce Springsteen (no sábado, 21) e Iron Maiden (no domingo, 22).

Veja as noticias que foram destaques do fim de semana:

1 - Ao menos 69 pessoas morreram no ataque a um shopping de luxo em Nairóbi, no Quênia. O prédio foi invadido por militantes do grupo radical somali Al-Shabab, ligado à Al-Qaeda.

2 - Ministro da Previdência exonera assessor acusado de integrar quadrilha. A Polícia Federal acusa Gustavo Alberto Soares Filho de envolvimento com a quadrilha suspeita de pagar propina a prefeitos para captar investimentos de fundos de pensão municipais.

3 - Merkel é reeleita para terceiro mandato. Primeira-ministra terá de negociar uma coalizão para formar o governo.

4 - Vendaval deixa três mortos e 40 feridos em Taquarituba, no interior de São Paulo.

5 - Chuva desaloja 4 mil em 56 cidades de Santa Catarina; rio sobe e ameaça Blumenau. SC passou o fim de semana em estado de alerta.

6- Estudante é morto durante festa na Unicamp. Aluno participava de um evento que não tinha a autorização da universidade.

7 - Bruce Springsteen faz show histórico e Iron Maiden fecha o Rock in Rio com sucessos. Festival também teve encontro de Sepultura com Zé Ramalho.

8 -Papa Francisco anuncia mudanças na Cúria Romana após seis meses de estudo sobre o trabalho e a burocracia do Vaticano.

9- Síria apresentou os primeiros detalhes sobre seu arsenal químico. País precisa preencher lacunas até a semana que vem para iniciar um rápido processo de desarmamento que evite uma intervenção militar dos Estados Unidos.

10 - Dirigente chinês pega prisão perpétua. Ele foi condenado por desvio de recursos e abuso de poder.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.