Ato ecumênico em favor dos presos

Cerca de 200 pessoas participaram nesta segunda-feira do Ato Ecumênico pela Vida e Contra a Violência na Praça da Sé, no centro de São Paulo. Organizado pela Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil-São Paulo (OAB-SP), o ato era um protesto contra as más condições carcerárias nos distritos da capital. A manifestação contou com a participação de líderes de várias entidades religiosas, sindicatos, comissões e parlamentares. Com velas nas mãos, os participantes ouviram discursos e a apresentação do coral Paz e Amor, do Núcelo Assistencial e Cultural Ipiranga de São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.