Atrasos caem para 15,4% dos vôos e situação é tranqüila

Voltou a cair o porcentual de vôos com atrasos na manhã desta quarta-feira. De acordo com o boletim da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), da zero hora às 10h30 desta quarta-feira, 15,4% dos vôos sofreram atrasos superiores a uma hora. De 637 vôos programados, 98 apresentaram atrasos e 20 foram cancelados. Na terça-feira, segundo a Anac, o porcentual de atrasos ficou em 23,3% (218 vôos), da zero hora às 17 horas.O Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, lidera a lista, com 15 vôos atrasados. Os aeroportos de Belém e Brasília aparecem na seqüência com oito atrasos verificados em cada aeroporto. O aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, apresentou seis atrasos, mesmo número registrado no Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro.Queda no sistemaA companhia aérea TAM voltou a apresentar problemas na manhã desta quarta-feira. O sistema que concentra a rede de dados da empresa saiu do ar às 10h50, sendo restabelecido, segundo a assessoria da TAM, 33 minutos depois. O problema não refletiu em atrasos nos vôos, mas provocou longas filas nos balcões de check-in da companhia aérea em alguns aeroportos. Segundo boletim oficial da aérea, emitida à imprensa, o atendimento, entretanto, continuou sendo realizado normalmente. "O atendimento nos aeroportos não foi afetado e não houve impacto na malha aérea da empresa", afirmou o boletim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.