Audiência sobre Pampulha e Santos Dumont ocorrerá este ano

A partir da audiência, Anac vai apresentar análises que justifiquem limitações de vôos nos dois aeroportos

André Magnabosco, Agência Estado

01 Outubro 2008 | 19h05

A direção da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) afirmou nesta quarta-feira, 1º, que as restrições de uso dos aeroportos de Santos Dumont (RJ) e Pampulha (MG) serão tema de audiência pública a ser iniciada ainda este ano. Ambos os aeroportos operam com limitação de vôos, por isso as aeronaves que pousam ou decolam dos dois locais priorizam as rotas regionais.   Veja também: Empresa que atrasar vôo perderá vaga de pousos e decolagens Das medidas anunciadas contra a crise aérea, só uma vigora Especial sobre a crise aérea  Todas as notícias sobre a crise aérea        A partir da audiência pública, a Anac deverá apresentar análises que justifiquem quais os critérios técnicos de restrição aos aeroportos. As limitações aplicadas aos dois locais tiveram como explicação, no passado, o objetivo de estimular os vôos a partir dos aeroportos de Confins (MG) e Galeão (RJ). Outro fator limitante é a atual infra-estrutura aeroportuária de ambos os locais.   A revisão nas restrições dos vôos feitos a partir destes aeroportos é esperada pelas companhias aéreas, que desejam operar novas rotas, como são os casos de TAM e Gol.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.