Audiências discutem duplicação da Raposo

Moradores de 8 cidades cortadas pela Rodovia Raposo Tavares, que liga São Paulo ao oeste do Estado, estão sendo convidados para discutir, em duas audiências públicas, as obras de duplicação do trecho entre o quilômetro 34, em Cotia, e o 92, em Sorocaba. O primeiro encontro será no próximo dia 22 em Cotia, o outro no dia 1º de abril, em São Roque. As audiências fazem parte do processo de licenciamento ambiental da obra, que será realizada pela concessionária ViaOeste. Entidades ambientais farão um encontro preliminar em Sorocaba, na próxima semana, para preparar uma pauta dos temas que serão levantados nos encontros. Um dos objetivos é garantir a preservação de trechos de Mata Atlântica existentes no traçado da nova pista, entre Vargem Grande e São Roque. A prefeitura de Cotia também quer alterar o projeto para manter o traçado original da rodovia entre os quilômetros 31 e 34. Segundo o prefeito Joaquim Pedroso Neto (PSDB), a execução do contorno de Cotia, prevista no projeto, afetará o comércio, trazendo prejuízos ao município. Ele quer, ainda, que o trecho de três quilômetros seja incluído na concessão da ViaOeste. "Será contraproducente deixar esses serviços por conta do Departamento de Estradas de Rodagem, como está previsto", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.