Auditores sofrem ameaças e são transferidos em MG

Dois auditores fiscais que vinham recebendo ameaças de morte foram transferidos pela Delegacia Regional do Trabalho de Minas Gerais. O destino dos fiscais que recebem escolta da Polícia Federal é mantido em sigilo. Segundo a Globo News, os auditores devem deixar as cidades de Araçoaí, no Vale do Jequitinhonha, e Manhuaçu, no leste do Estado, ainda hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.