Australianos festejam a chegada de 2009 em Sydney

Show de fogos que custou cerca de US$ 4 milhões iluminou a baía de Sydney e marcou a despedida de 2008

Efe,

31 de dezembro de 2008 | 14h03

Com o famoso espetáculo pirotécnico de Sydney, os australianos começaram a festejar 2009, a chegada do Ano Novo e o final de um 2008 marcado por uma crise financeira que espalhou por todo o mundo. Veja também: Galeria: Fotos do ano novo em Sydney   Galeria: Fotos do ano novo no resto do mundo   Foto: AP Milhares espectadores se reuniram na baía de Sydney antes da meia-noite (11h, horário de Brasília) para darem as boas-vindas para 2009 e participarem do festival que organizaram as autoridades, e que custará cerca de US$ 4 milhões. Foto: Reuters Os organizadores estimam que ao longo da noite o festival de Sydney atrairá cerca de 1,5 milhão de pessoas. Foto: Reuters Duas horas antes dos australianos, às 9h (horário de Brasília), foram seus vizinhos da Nova Zelândia que deram as boas-vindas a 2009. Os famosos fogos de artifício de Sydney, uma das primeiras cidades do mundo a dar as boas-vindas ao Ano Novo, iluminaram edifícios emblemáticos da cidade, como a famosa Opera House e a Harbour Bridge. Foto: Reuters As celebrações que acontecerão após as de Sydney nas próximas horas em outras partes do mundo diluirão o pessimismo das previsões econômicas para 2009. "Caso possamos conseguir que as pessoas esqueçam tudo e pensem apenas nos fogos de artifício por 15 ou 20 minutos teremos feito nosso trabalho", declarou o diretor do espetáculo, Fortunato Foti, à emissora Sky.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.