Avanço patrimonial é compatível com renda, diz advogado

O advogado Paulo Sérgio Santo André, que defende Eduardo Bittencourt Carvalho, reagiu enfaticamente à ação do Ministério Público Estadual que atribui enriquecimento ilícito ao conselheiro. "Eu afirmo que a evolução patrimonial (de Bittencourt) é absolutamente consentânea com os vencimentos que ele teve como deputado estadual e, depois, como conselheiro de contas", declarou Santo André. "Além disso, destacadamente seu patrimônio tem origem em dinheiro da família. Isso tudo será demonstrado cabalmente."

O Estado de S.Paulo

14 Outubro 2011 | 03h03

Sobre o pedido de afastamento cautelar de Bittencourt, o advogado disse que pretende ler primeiro a ação. Ele atribui "excesso" ao Ministério Público, que aponta o pai de Bittencourt como testa de ferro. "É um absurdo. Vamos provar que isso não existe."

Para o advogado, o ajuizamento da ação "vai garantir (a Bittencourt) a chance de se defender porque até hoje lhe foi negado acesso à investigação". "(Bittencourt) vai ter o direito de provar sua inocência." Ele informou que, em recurso ordinário, o Superior Tribunal de Justiça, por unanimidade, garantiu a Bittencourt o direito de consultar os autos. / F.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.