PRF/Divulgação
PRF/Divulgação

Aves silvestres são apreendidas em porta-malas de carro no PR

Apreensão de mais de 960 aves foi na Rodovia BR-376; motorista foi preso após receber alta médica

Solange Spigliatti, estadão.com.br

15 Julho 2011 | 11h40

SÃO PAULO - Mais de 960 aves silvestres foram apreendidas em Ponta Grossa, no Paraná, na madrugada desta sexta-feira, 15, pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

 

Os animais eram transportados em condições precárias, dentro de caixas, no porta-malas de um veículo Santana que havia se envolvido em um acidente no quilômetro 490 da Rodovia BR-376.

 

A equipe da PRF localizou o carro após receber a comunicação do acidente. Ao chegar ao local, constataram que o Santana havia batido na traseira de um caminhão. Durante o atendimento da ocorrência, os policiais abriram o porta-malas do veículo e encontraram os pássaros em caixas pequenas de papelão e caixas de leite longa vida, todas com perfurações.

 

O motorista do Santana, um homem de 32 anos, estava com ferimentos e foi encaminhado ao pronto-socorro, onde ficou sob escolta policial até receber alta. Em seguida ele foi encaminhado para o quartel da Polícia Militar Ambiental, para onde também foram levados o veículo e as aves.

 

Do total de pássaros apreendidos, havia 754 pintassilgos, 140 trinca-ferros, 25 canários terra, 28 azulões, nove sangue de boi, três biquinho de pimenta, um xexéu e uma gralha azul de peito amarelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.