Avião da FAB com 11 a bordo desaparece no Amazonas

Aeronave deveria ter pousado em Tabatinga às 10h15; grupo estava em apoio a missão de vacinação

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

29 de outubro de 2009 | 16h53

Uma aeronave C-98 Caravan da Força Aérea Brasileira (FAB) desapareceu na manhã desta quinta-feira, 29, quando realizava um voo entre as cidades de Cruzeiro do Sul, no Acre, e Tabatinga, no Amazonas. O Comando da Aeronáutica informou que 11 pessoas estavam bordo. O grupo, segundo nota da Aeronáutica, estava em apoio a missão de vacinação do Ministério da Saúde.

 

Aeronave igual a desaparecida. Foto: Divulgação/FAB

 

O avião militar decolou às 8h30 e deveria pousar em Tabatinga às 10h15. As buscas já estão em andamento. Segundo a Aeronáutica, uma aeronave C-105 Amazonas decolou de Manaus (AM) com dois médicos, dois enfermeiros, além de 32 militares da equipe de resgate.

 

Outros dois helicópteros H-60 estão realizando voos de padrão na região e uma aeronave de reconhecimento R-99 apoiará os trabalhos de busca. "Não temos informação que a aeronave caiu", informou o Centro de Comunicação da Aeronáutica (CECOMSAER). A FAB montará a base das operações de buscas em Cruzeiro do Sul.

 

 

  

O C-98 Caravan, de fabricação norte-americana, é usado para o transporte de pequenas cargas e passageiros em curtas distâncias e tem capacidade para até 14 pessoas. Na FAB, o C-98 Caravan é utilizado desde 1987 em tarefas de apoio e de transporte aeromédico e no Correio Aéreo Nacional.

 

Texto atualizado às 19h30.

 

(Com Reuters)

 

Tudo o que sabemos sobre:
FAB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.