Avião de pequeno porte atinge depósito em Belo Horizonte

Três pessoas ficaram feridas e foram levadas para o Hospital João XXIII; policiais ajudaram no resgate

Solange Spigliatti e Eduardo Kattah, estadao.com.br e O Estado de S.Paulo

12 de setembro de 2008 | 13h29

Um avião de pequeno porte saiu da pista e atingiu um depósito de materiais por volta das 13h15 desta sexta-feira, 12, na Avenida Arthur Hass, no Jardim Montanhês, em Belo Horizonte. A aeronave, prefixo PT-OOB CESNA, tentava pousar no Aeroporto Carlos Prates quando apresentou problemas.   O piloto, Fábio Francisco José dos Santos, de 28 anos, tentou arremeter - manobra de retomada de vôo -, mas perdeu o controle do avião, que bateu o trem de pouso em uma fiação elétrica e atingiu um depósito, próximo ao final da Avenida Pedro II, de grande movimento de veículos.   Além do piloto, estavam na aeronave o empresário Bruno Basile, de 77 anos, e Hugo Nasson de Almeida Silva, de 21. Os três tripulantes foram socorridos primeiro por voluntários e depois por equipes do Corpo de Bombeiros. Eles foram retirados do monomotor - que ficou preso no telhado do depósito - e encaminhados para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, onde permaneciam internados em observação. Um helicóptero da Polícia Militar também foi acionado para ajudar no resgate.   Conforme a assessoria da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig), as vítimas sofreram principalmente cortes, escoriações e trauma na face, mas não corriam risco de morte.   Com o impacto, o tanque de combustível da aeronave foi perfurado e os bombeiros precisaram controlar o vazamento para evitar uma explosão. Toda área foi isolada e a Companhia Energética do Estado (Cemig) foi acionada para desligar a energia elétrica do local.   O avião havia saído da cidade de Cruvelo com destino a Belo Horizonte. Representantes da Infraero estiveram no local para a perícia que irá apontar as causas do acidente.   Texto alterado às 18h56 para acréscimo de informações.

Tudo o que sabemos sobre:
acidente com avião

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.