Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Avião dos EUA suspeito de invasão do nosso espaço aéreo

Um avião da marinha dos Estados Unidos ficou retido por 8 horas no aeroporto internacional JorgeTeixeira, em Porto Velho (RO), após um pouso de emergência. Segundo a Aeronáutica, o pouso foi técnico. O Hércules modeloC-130 havia decolado de Assunção, no Paraguai, transportando membros das missões de apoio às Embaixadas no Continente.Duas horas após a Infraero informar que o avião decolou com destino a Assunção, às 8h30 desta terça-feira, com base emautorização dos Estados Unidos, a Aeronáutica anunciava que a aeronave decolara para Porto Rico.O desencontro de informações levou sites locais de notícias a veicular a versão de invasão do espaço aéreo brasileiro,desmentida no final da tarde de ontem pelo Centro de Comunicação Social da Aeronáutica, em Brasília. Segundo o major Feijó, oavião tinha sim autorização para pousar no Brasil.O Hércules modelo C-130 aterrissou na capital de Rondônia às 21h54 de segunda-feira, depois de não obterem autorização dasautoridades bolivianas para pousar em La Paz. A superintendência da Infraero nega, no entanto ?participação ativa? no acompanhamento do episódio, mas confirma que o avião militar de bandeira norte-americana seguia para La Paz, quando fez aescala técnica em Porto Velho. É a segunda vez em três meses, que uma aeronave dos Estados Unidos sobrevoa o espaço aéreo nacional entre o Brasil e aBolívia. No final de 2003, um helicóptero que transportava militares norte-americanos caiu próximo à cidade de Guajará-Mirim, divisa com a Bolívia, gerando muita especulação em torno dos reais objetivos da missão no Continente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.