Avó e neta são mortas por 20 cães dentro de casa

A coletora de lixo Rosa Parra, de 64 anos, e a sua neta, Amanda Parra, de 5 anos, foram mortas, na madrugada desta sexta-feira, por cerca de 20 cães, a maioria vira-lata, dentro da própria residência onde moravam, localizada na Rua Vereador Jaciro Faure, nº 89, em Vila Natal, cidade de Mogi das Cruzes, na grande São Paulo.Vizinhos ligaram para a Polícia Militar, que teve dificuldade para entrar na casa. Foi necessária a ajuda do Corpo de Bombeiros e do Centro de Controle de Zoonozes para controlar os animais. Só depois de 2 horas os policiais conseguiram acessar o interior da casa, mas avó e neta já estava mortas. Na casa também havia muito papelão e latas de alumínio, objetos recolhidos por Rosa. A maioria dos cães, pertencentes à coletora de lixo, foi trazida das ruas. Rosa pegava os animais e os levava para dentro de casa. O que teria motivado o ataque dos cães não se sabe. Os corpos das vítimas foram dilacerados. Em pior estado foi encontrada a criança. O caso está registrado no Distrito Policial Central de Mogi das Cruzes.

Agencia Estado,

15 de novembro de 2002 | 10h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.