Bahia triplica efetivo de policiais para temporada de verão

Quase 6,400 policiais farão a ronda ostensiva em Salvador e na região metropolitana do Estado

Tiago Décimo, de O Estado de S. Paulo,

12 de dezembro de 2009 | 13h28

O governo baiano anunciou na manhã deste sábado, 12, como vai ser montado o esquema de segurança em Salvador para a temporada de verão. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia , 6.381 policiais militares serão destacados para fazer o policiamento ostensivo na capital baiana e região metropolitana - três vezes mais do que no mesmo período do ano passado. Eles ficarão nas praias, nos principais pontos turísticos da cidade e nos pontos de maior aglomeração de pessoas.

 

Conforme projeções da Empresa Baiana de Turismo (Bahiatursa), espera-se a chegada de 1,5 milhão de turistas à capital baiana até março - 20% mais que no verão anterior.

 

A expectativa da Secretaria é manter em queda os principais índices de violência na cidade. Em documento divulgado esta semana, a secretaria mostrou que os números de homicídios e de tentativas de homicídios em Salvador registram diminuição este ano, com relação ao ano passado (de 1,3% e de 18,2%, respectivamente).

 

Apesar disso, entre 2006 e 2008, o número de homicídios na cidade cresceu 79,4%, saltando de 966 para 1.733 por ano. "O importante é que conseguimos conter o avanço no número de assassinatos", avalia o secretário César Nunes. "Agora, estamos reforçando a atuação para reduzir mais os índices", conclui.

Tudo o que sabemos sobre:
SalvadorPolíciaBahiasegurança

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.