Bala perdida mata entregador no centro de Porto Alegre

Assaltantes de joalheria dispararam contra um homem que dizia ser policial; Leandro Nunes estava a 30 metros do local e foi atingido

Elder Ogliari, O Estado de S. Paulo

03 Outubro 2014 | 11h51

PORTO ALEGRE - Tiros disparados por assaltantes de uma joalheria mataram um homem que estava entregando salgadinhos a lanchonetes da região central de Porto Alegre na manhã desta sexta-feira, 3. A ação dos bandidos e o resultado trágico paralisaram uma parte da região mais movimentada da cidade, frequentada por milhares de pedestres. 

Os dois assaltantes renderam funcionários que estavam abrindo uma joalheria localizada na esquina das Ruas dos Andradas e Doutor Flores, entraram e carregaram mochilas com mercadorias.

Na saída, um homem que tinha percebido o movimento, tentou interceptá-los dizendo que era policial. Eles reagiram disparando, largaram as mochilas e fugiram.

Uma bala perdida atingiu o entregador, que estava a cerca de 30 metros de distância. A vítima foi identificada como Leandro Nunes, de 32 anos.

A polícia ainda não sabe quem são os assaltantes e o homem que tentou interceptá-los. A investigação começará pelo depoimento de testemunhas e análise de imagens de câmeras de segurança da região.

Mais conteúdo sobre:
Rio Grande do Sul Porto Alegre Violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.