Bala perdida mata estudante no carnaval de Salvador

A estudante Luciene Rodrigues da Silva de 19 anos, foi morta no Largo do Farol da Barra, início do circuito Dodô na orla marítima de Salvador, na madrugada deste domingo, por uma bala perdida disparada por Clébson Marinho Ramos, 23, preso logo depois do crime. Armado com um revólver, Ramos passou a disparar a esmo entre os foliões sem motivo aparente. Muitos se abaixaram, mas uma das balas atingiu Luciene, que chegou a ser levada a um posto médico próximo, mas não resistiu. Essa é a segunda morte relacionada com o carnaval deste ano em Salvador. A primeira vítima foi um vendedor de frutas assassinado com uma facada no sábado, no centro da cidade.

Agencia Estado,

26 Fevereiro 2006 | 18h59

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2006

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.