Balconista é baleado em show católico pela paz

O balconista Paulo César da Silva Júnior, de 18 anos, foi baleado na noite do último sábado com quatro tiros, quando assistia a um show católico, promovido pela Comunidade Canção Nova, em Lorena, no interior do Estado de São Paulo. Cerca de duas mil pessoas participavam do show ?Irmãos?, promovido em favor da paz, na Praça Arnolfo Azevedo, no centro da cidade.Segundo testemunhas, o balconista se envolveu em uma discussão com dois menores e foi ameaçado. Um dos adolescentes se afastou da briga e prometeu vingança. Depois de cerca de meia-hora, por volta das 22h20, quando o show ainda acontecia, o menor retornou ao local e disparou seis tiros contra o balconista.A vítima foi atingida no braço e no maxilar e levada ao Pronto-Socorro de Lorena. Os jovens que participavam do show ficaram em pânico. Assim que os tiros foram ouvidos houve corre-corre e algumas pessoas se jogaram ao chão com medo de ser atingidas. Mesmo depois do tiroteio, as orações continuaram até às 23 horas, quando o show foi encerrado, com um pedido especial de paz dos cantores católicos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.