Bandidos dão toque de recolher em São Paulo

Nesta quinta-feira foi feriado forçado no Parque Santa Madalena, na zona leste de São Paulo. Em represália contra a morte de um seqüestrador, segundo a polícia, bandidos da favela do Jardim Elba ordenaram toque de recolher, exigindo que comerciantes fechassem as portas. O aviso foi dado por dois jovens que passaram numa moto sem placa.Para a polícia, a dupla seria porta-voz de criminosos foragidos após participar do seqüestro do empresário Paulo Nunes Batista, que escapou quarta-feira do cativeiro. Com medo de represálias, cerca de 30 estabelecimentos da avenida Primavera de Caiena, incluindo uma creche, deixaram de funcionar. O policiamento foi reforçado com cerca de 25 carros das polícias Civil e Militar e um helicóptero. Mesmo assim os comerciantes não voltaram ao trabalho. Até as 21 horas, nenhuma prisão relacionada ao toque de recolher foi realizada.

Agencia Estado,

25 de abril de 2003 | 00h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.