Bandidos em fuga matam 2 crianças e ferem 7

Duas crianças morreram e 7 ficaram feridas, 2 delas em estado grave, após serem atropeladas por um veículo roubado, ocupado por 2 bandidos, por volta das 21h30 de ontem, em Americanópolis, zona sul da capital paulista. Um grupo de 9 crianças brincava sob uma árvore, quando foi surpreendido por um Honda Civic lilás, roubado do comerciante Adalberto Camargo na noite de ontem, na Vila Santa Catarina, mesma região do atropelamento. Segundo testemunhas, o bandido que dirigia o importado ignorou as duas lombadas existentes em uma curva, perdeu o controle do Honda e atingiu o grupo de meninos. Foram atropelados e levados ao pronto-socorro do Jabaquara Karoliny Evangelista dos Santos, 6, que chegou morta no hospital, Danilo de Souza Mello, 12, que também deu entrada no pronto-socorro já sem vida, Jhonatan Evangelista dos Santos Rosa, 10, irmão de Karoliny, internado em estado muito grave na UTI, com fraturas múltiplas de crânio, Jeyson Evangelista dos Santos Rosa, 12, já liberado pelo hospital, Juliana Nunes de Oliveira, 7, internada na UTI, com ferimentos na barriga e no tórax, e Rogério Alves de Oliveira, 13, que sofreu ferimentos leves.Para o Hospital de Pedreira, os bombeiros encaminharam Fernando de Jesus Ferreira Dias, 9, e Paula Caroline Nuens de Oliveira, 9, ambos com ferimentos leves, que também já foram liberados. A nona vítima, Jonantan Roberto dos Santos, 14, foi levado ao Pronto-socorro do Sabará, onde continua internado, mas já fora de perigo. A mãe das 2 crianças mortas confirmou que conhece um dos bandidos que estava dentro do carro importado. "Eu consegui ver que um deles era o ?Neguinho?. Ele mora aqui no bairro e eu não vou ter medo de entregá-lo à polícia", desabafou Lucimara.Bandidos podem ter baleado um professor no McDonald´sPor volta das 20h30, três bandidos invadiram uma loja do McDonald´s localizada na Avenida Adolfo Pinheiro, em Santo Amaro, zona sul. Após efetuar o roubo, o trio fugiu, segundo testemunhas, em um Honda Civic escuro e um Gol branco, roubado no local, do professor Giani Boscolo, 42, que foi baleado por um dos ladrões e levado ao hospital.As placas do Gol branco roubado no estacionamento da loja de fast food são as mesmas do Gol branco abandonado na rua onde ocorreu o atropelamento das crianças, o que deixa evidências de que ocupantes dos carros são os mesmos que assaltaram a lanchonete. A polícia já trabalha com a hipótese de que os bandidos roubaram o Honda na Vila Santa Catarina, foram até o McDonald´s, realizaram o assalto e, na fuga, ainda roubaram o Gol de Giani.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.