Bandidos fazem reféns em refinaria no Rio

Mais de 120 policiais cercaram na noite desta sexta-feira a refinaria de Manguinhos (zonanorte do Rio), na avenida Brasil. A ação foi motivada pela informação de que três funcionários estavam sendo mantidos como reféns, supostamente por traficantes da favela do Arará, em Benfica, que invadiram o local por volta das 21 horas. Ao seguir para Manguinhos, a polícia ignorava o número de criminosos e a causa da invasão.Aproximadamente 30 homens do 22º Batalhão da PM foram para o local, logo recebendo o reforço deoutras unidades, inclusive o Batalhão de Operações Especiais (Bope), que conta com policiais treinados para negociação e deslocou para Manguinhos o carro de comando móvel. A Polícia Federal também foi acionada.Até as 23 horas, a polícia não tinha entrado na empresa. A refinaria produz, comercializa e distribui derivados de petróleo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.