Bandidos ferem 1 ao sequestrar e roubar carros

Em cinco horas, bandidos roubaram três carros, bateram em outro, realizaram dois sequestros relâmpagos e feriram uma das vítimas na zona norte da capital. Dois foram presos após libertar a vítima do segundo sequestro. A sequência de crimes começou às 21h30 de anteontem na Rua Jesuíno de Brito, na Freguesia do Ó, quando dois bandidos armados abordaram a dona de uma Scénic. Ela disse ter ficado meia hora em poder dos assaltantes, até ser libertada na Rua Bonifácio Cubas. A mulher teve R$ 50 roubados. Os assaltantes fugiram com o carro e abordaram o contador P.H.S., de 56 anos, que estava com a mulher, C.R.F, de 38, em uma Zafira. Segundo a mulher, o criminoso anunciou o assalto e atirou no abdome do contador. Ele foi socorrido no Hospital Vila Penteado.Enquanto isso, os criminosos fugiram, um na Scénic e o outro na Zafira. O bandido que conduzia a Zafira perdeu o controle na Rua Simão Velho, bateu num Gol e escapou a pé.O criminoso que estava no Scénic abordou a vendedora A. V. N., de 38 anos, que estava em um Polo na Avenida Miguel Conejo. A mulher ficou duas horas com o criminoso, que a ameaçou. Ela relatou que o bandido atirou contra um grupo de jovens e abordou mais uma mulher, mas desistiu ao suspeitar que ela era policial.No caixa eletrônico de um posto de gasolina, a dona do Polo sacou R$ 90. Lá, o bandido encontrou um conhecido, que se juntou a ele. Em seguida, a mulher foi libertada. A dupla fugiu no Polo e parou num posto na Avenida Deputado Cantídio Sampaio. Na saída, foi perseguida por PMs. Depois de bater o carro, os dois foram presos, na Avenida Fernando Mendes de Almeida. Wilson de Oliveira Barros Neto, de 32 anos, e Josuel Mangabeira - que se juntou a Barros Neto no posto de combustíveis -, de 26, foram detidos e levados para o 74º DP (Parada de Taipas).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.