Bandidos fingem precisar de informação e matam policial no Rio

Homens do 18º Batalhão da Polícia Militar, de Jacarepaguá, no Rio, estão à caça desde às 21 horas de terça-feira de criminosos responsáveis pelo assassinato do PM Róbson William Fernandes, atacado em frente à própria cabine, montada na Estrada Grajaú-Jacarepaguá. Segundo informações preliminares da PM, ocupantes de um veículo - cujas características não foram anotadas - pararam em frente ao posto policial e fingiram que precisavam de uma informação. No momento em que se aproximava do carro, Róbson foi baleado. Ele morreu quando era atendido no Hospital Cardoso Fontes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.