Bandidos metralham base da PM em Itapevi

Uma Base da Polícia Militar foi alvo de atiradores em Itapevi, na grande São Paulo, no final da noite de ontem, e um policial militar acabou ferido levemente. Os responsáveis pelos tiros teriam furado um bloqueio policial. Três viaturas da 3ª Companhia do 20º Batalhão de Polícia Militar faziam um bloqueio de rotina na Avenida Presidente Vargas, no bairro de Nova Itapevi, em Itapevi, quando os ocupantes de um Vectra cinza não obedeceram à ordem de parada dos policiais, seguindo em alta velocidade.Momentos depois, quatro ocupantes de um Golf vermelho fizeram o mesmo, mas, em vez de seguirem direto pela avenida Presidente Vargas, viraram na Rua Cesário de Abreu, onde fica a sede da 3ª Companhia. Ao passarem em frente à base policial, os desconhecidos deram uma rajada de nove tiros de metralhadora contra o posto policial e fugiram logo em seguida. O soldado Pasqualite foi atingido de raspão no rosto, próximo ao olho direito, mas passa bem e não corre o risco de perder a visão. O carro Golf foi abandonado nas proximidades do bairro de Vila Nova Itapevi.A polícia militar reforçou as rondas pela região e no município vizinho de Cotia e encontrou o Vectra cinza abandonado nas proximidades da favela do Morro do Macaco. Ninguém foi preso. O caso foi registrado na Delegacia Central de Itapevi.

Agencia Estado,

06 de agosto de 2002 | 07h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.