Bandidos perseguem policial dentro de academia em SP

O soldado Flávio Kakiushi, lotado na 1ª Companhia do 24º Batalhão, de Diadema, foi perseguido por bandidos dentro de uma academia de ginástica, na Avenida Senador Vergueiro, em Rudge Ramos, São Bernardo do Campo, na noite de ontem. Ao sair da academia, à paisana, em seu dia de folga, o soldado reagiu a cinco bandidos que anunciaram um assalto e levariam dele a moto. O policial reagiu, mas, ao ver que o grupo estava armado, correu para dentro do academia, onde foi encurralado em um cômodo no segundo andar do imóvel comercial. Sabendo que poderia morrer, pois os assaltantes o perseguiram após descobrir que Flávio era policial, e sem outra alternativa, Flávio decidiu pular a janela, mas foi baleado na boca e em uma das pernas. Segundo a Central de Operações da PM no grande ABC, o policial passa bem após ter sido atendido no Pronto-Socorro Assunção. O grupo acabou não levando a moto da vítima. O caso está registrado no 2º Distrito Policial de São Bernardo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.