Bando assalta banco dentro de hospital naval

Um grupo formado por quatro homens, um deles disfarçado de enfermeiro, invadiu e assaltou na manhã de hoje, uma agência do Banco Real dentro do Hospital Naval Marcílio Dias, em Lins de Vasconcelos, zona norte do Rio. Houve tiroteio e uma pessoa ficou ferida: o fuzileiro naval Leandro Xavier Silveira, baleado no peito. A Delegacia de Roubos e Furtos da Polícia Civil negou-se a dar informações sobre o caso, bem como a Polícia Militar.Em curta nota à imprensa, a Marinha confirmou apenas o ferimento do militar, que foi socorrido no próprio hospital e, segundo informações dos médicos, "passa bem". Os assaltantes fugiram com uma submetralhadora, uma pistola 9 mm da Marinha e R$ 47.366 mil."Durante o assalto houve troca de tiros, sendo um militar ferido sem gravidade", diz o texto, assinado pelo capitão-de-corveta Aldner de Oliveira, oficial responsável pela Comunicação Social do 1.º Distrito Naval. A nota não identifica o soldado e não faz referência ao dinheiro roubado.Policiais militares do 3.º Batalhão (Méier) realizaram operações nos morros da Cachoeirinha, Cachoeira Grande e Gambá, que cercam o hospital, em busca dos criminosos.Os quatro homens armados teriam entrado a pé no hospital às 10h30, minutos antes da chegada do carro-forte que transportava o pagamento dos militares que trabalham no hospital. Eles entraram normalmente, sem serem revistados.Seguiram então para a agência bancária, localizada no subsolo do prédio principal.Quando os ladrões deixavam o local, fuzileiros navais que fazem a segurança do hospital reagiram e trocaram tiros com os criminosos, que fugiram pulando um muro. De acordo com moradores do local, dois ladrões teriam morrido e um outro, ferido, teria sido levado para o Hospital do Andaraí, também na zona norte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.