Bando invade tesouraria de clube e rouba R$ 27 mil

Cerca de 15 homens armados compistolas, revólveres e metralhadoras assaltaram, na manhã de hoje, a tesouraria do Clube Banespa, na Avenida Santo Amaro,zona sul da capital, e roubaram aproximadamente R$ 27 mil. O diretor-tesoureiro do clube foi levado como refém portrês dos ladrões e deixado algumas quadras depois. A políciaespera identificar os assaltantes por meio da gravação do roubopelo circuito de tevê interno. A fita está sendo examinada pelos policiais do 11.ºDistrito Policial de Santo Amaro e da Divisão de Crimes Contra oPatrimônio, do Departamento de Investigações Sobre o CrimeOrganizado (Deic). Os policiais investigam a possivelparticipação no roubo de um ex-funcionário.O assalto ocorreu por volta das 7 horas. Os ladrõesdominaram o tesoureiro e o obrigaram a abrir o cofre. O dinheirolevado seria do movimento do fim de semana prolongado, desexta-feira à manhã de hoje. Na fuga foram roubados no clubedois carros e uma motocicleta.Real - Os ladrões Sebastião de Lima Calado, de 40 anos,e Feliciano Mainente, de 38, foram presos quando tentavam abrircom um maçarico o cofre forte do Banco Real, agência da RuaSilva Bueno, no bairro do Ipiranga, zona sul da capital.Militares em ronda viram, pouco antes da meia-noite, aporta lateral do banco aberta e encontraram os ladrões nosfundos da agência tentando abrir o cofre. O alarme tinha sidodesligado. Os dois ladrões foram autuados no 17.º DistritoPolicial. Calado e Mainente respondem a processos por crimesemelhante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.