Bando joga ônibus com 48 em ribanceira

Trio armado abordou sacoleiros que iam de Montes Claros para Goiânia

Ernesto Batista, O Estadao de S.Paulo

24 de novembro de 2007 | 00h00

Um ônibus foi empurrado em uma ribanceira de 12 metros de altura por assaltantes, depois de um roubo - 47 dos 48 passageiros feridos. O barranco fica no km 25 da BR-365, em Pirapora, a 418 quilômetros de Belo Horizonte. O veículo, de placas BUS-4396 da empresa Beltur Transporte e Turismo Ltda, transportava sacoleiros de Montes Claros para Goiânia e foi abordado por três homens armados com revólveres, depois de ser fechado por um veículo de passeio, logo depois de deixar a cidade mineira. Os bandidos ficaram no ônibus por 10 quilômetros e levaram dinheiro e objetos de valor dos passageiros. Em seguida, os bandidos ordenaram ao motorista que estacionasse o ônibus ao lado da ribanceira. O policial rodoviário federal Bernardo Comini relata outra versão. Segundo ele, o motorista do ônibus teria aproveitado um descuido dos assaltantes para escapar. Após a fuga, o veículo teria caído na ribanceira. "Estamos trabalhando com duas hipóteses: ou o ônibus foi empurrado para o abismo ou houve uma imperícia dos assaltantes ao tentar operar o ônibus", disse o policial. O veículo acidentado era o penúltimo de um comboio que tinha cinco ônibus de sacoleiros. Nenhum dos demais veículos do grupo percebeu o assalto. "Não temos registros de assaltos a ônibus nesta região", explicou Comini.Os feridos foram levados para dois hospitais de Montes Claros. A operação de resgate reuniu cerca de 30 homens do Corpo de Bombeiros de Minas e do Samu. Os criminosos conseguiram escapar do local e ainda não foram presos.OUTROS ACIDENTESAlém do incidente do ônibus na ribanceira, outras ocorrências registradas pela polícia em rodovias de Minas deixaram 7 pessoas mortas e mais 22 feridas. No mais grave dos acidentes, cinco pessoas de uma mesma família morreram depois que o carro em que estavam colidiu de frente com uma carreta carregada com 38 toneladas de ferro, no município de Luz, no sul do Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.