Bando tenta resgatar presos de distrito de SP

Cinco homens tentaram resgatar presos do 73º Distrito Policial, no Jaçanã, zona norte de São Paulo, no início da noite deste domingo.Houve tiroteio com os policiais. Um dos criminosos disparou uma rajada de submetralhadora contra o delegado de plantão, sem atingi-lo. Ninguém ficou ferido, nenhum preso escapou, nem os cinco bandidos que tentaram o resgate foram detidos pela polícia.Às 19 horas, um homem entrou na delegacia e procurou a carcereira Ivanilde. Disse que desejava entregar comida ao preso Claudinei Feliciano, detido sob a acusação de porte ilegal de arma.Ivanilde explicou que não poderia fazê-lo, pois o dia de entrega de alimentos era quarta-feira. O homem sacou uma pistola calibre 9 milímetros e atirou. A carcereira pulou o balcão, que é à prova de bala, e, juntamente com a escrivã, ficou deitada.O investigador Ricardo agiu rápido e fez vários disparos contra os criminosos, que fugiram. Deram ainda uma rajada de submetralhadora em direção ao delegado Nilo Helmeister Júnior, que atravessava a rua, voltando da padaria.Na fuga, os bandidos abandonaram um Gol, que pertence ao preso Elvis Gomes Ribeiro, detido por homicídio. "Com essas pistas, nós vamos prender em breve a quadrilha", disse a chefe dos investigadores, Thalma Bauer.Bauer informou que, para evitar fugas de presos, foram feitos um piso com 90 metros quadrados de concreto nas celas e no entorno e uma parede com 5 centímetros de concreto ao lado da carceragem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.