Banhistas espacam homem em praia de nudismo

O auxiliar de serviços gerais Iran Cesário, 35 anos, apanhou neste domingo, 8, numa praia de nudismo no Rio. Ele esteve, no último sábado, na praia de Abricó, onde ficou se masturbando, o que é proibido no local. Incomodados com a presença de Cesário, banhistas espancaram o servente. Ele acabou deixando o local e foi atendido no Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca. Quando relatou o ocorrido a policiais, preferiu contar uma outra história, que teria sido espancado num terminal rodoviário, no mesmo bairro, depois de uma tentativa de assalto. Em depoimento, depois, na 16ª Delegacia de Polícia (DP) ele esclareceu que a agressão havia ocorrido na praia de nudismo.

09 Julho 2007 | 13h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.